Eu sou alcoólica

Tratamentos > Alcool > Eu sou alcoólica
Anónimo

Eu sou alcoólica há cinco anos. Uma relação amorosa disfuncional, da qual resultou o nascimento da minha filha, levou-me a entrar no mundo do álcool.

As constantes agressões verbais e físicas do meu namorado, levaram-me a tomar medidas desesperadas. Agarrei na minha filha e fomos viver com a minha mãe. Aqui sabia que estava protegida, mas refugiava-me no álcool para esquecer todo o sofrimento, pelo qual estava a passar. Mal acordava bebia e ficava sem capacidades para cuidar da minha filhota.

A minha mãe ficava em pânico, porque alguém tinha que trabalhar para sustentar a família, além disso receava que me tirassem a filha. Meteu baixa para me ajudar, mas mesmo assim conseguia arranjar formas de beber, tendo chegado a beber acetona e álcool etílico, já em desespero.

Ao que eu cheguei.

Com a ajuda de pessoas amigas, consegui entrar para este centro de tratamento. Só me apetecia fugir, estar longe da minha filha deixava-me fora de mim. Mas não tinha outra solução, precisava de ficar bem para ser uma boa mãe, aquela mãe que a minha filha ainda não tinha tido.

Recuperei, regressei a casa e assumi as minhas responsabilidades. Hoje a minha filha tem todo o amor do mundo. Sou uma nova pessoa e sem nenhum tipo de dúvida, que só o sou, porque esta clínica acreditou em mim. Simplesmente: obrigada.*

Utilizamos cookies para garantir que o nosso site funcione da maneira mais tranquila possível e para analisar o tráfego da web. Se você continuar a usar o site, concorda com nossa Política de Cookies.
OK
Saiba aqui X